Pintura em Pastel Seco

Três dicas sobre o pastel seco

273 0

Neste artigo vou-lhes oferecer três dicas sobre o pastel seco, porque pintar com pastel seco é muito mais que pegar nas barrinhas de pastel a aplicá-las sobre uma superfície de papel.

Há muitos conceitos que nos podem escapar se aceitarmos esta simples abordagem sobre a técnica. Mas esta técnica é muito mais complexa do que podemos pensar…

Por exemplo, você sabe como criar o efeito de luminosidade, como criar textura semelhante ás pinceladas ou conseguir diferentes efeitos de acabamentos? Então preparasse para aprender mais algumas coisas sobre esta fabulosa técnica.

Como criar luminosidade com os pastéis.

Pasteis como produzir luminosidadeQuando a luz é forte ou reflecte sobre uma variedade de superfícies, ela pode parecer que brilha. Sendo incapazes de fisicamente capturar a força da energia da luz e aplica-la com pasteis sobre a superfície de papel, o que nos resta a fazer é utilizar algumas técnicas para a criação desses efeitos luminosos.

Criar um efeito luminoso com pastéis pode ser alcançado através da fractura da cor local, mantendo a consistência do valor tonal.
A maneira mais fácil de duplicar este efeito em uma pintura a pastel é utilizando uma variedade de cores do mesmo tom sem alterar o valor.

Como criar textura de pincelada com pastel seco.

Pasteis. Como criar texturasO pastel tem um parentesco próximo com as tintas a óleo: Ambos utilizam os mesmos pigmentos, são opacos e difíceis de distinguir muitas vezes, quando vistos à distância. Obviamente, óleos e pasteis têm suas diferenças.



O óleo é um médio húmido que se aplica com um pincel. O pastel é um médio seco e aplicado directamente da barrinha ao papel.

A Capacidade dos óleos para reter a pincelada é a sua melhor característica. Estas pinceladas tornam-se a assinatura do artista e tem sido magistralmente utilizadas por artistas ao longo dos séculos como Rembrandt van Rijn, Diego Velázquez, John Singer Sargent, Robert Henri, e Nicolia Fechin.

O Pastel, sendo aplicado directamente da barra ao papel, não produz as mesmas qualidades de textura tão facilmente quanto o óleo.
No entanto muitos artistas de hoje em dia, experimentam com diferentes suportes e motivos texturados a fim de produzir aparências semelhantes ao óleo.

Muitas marcas contribuem fabricando papeis com granulados e texturas diferentes e muitos artistas não contentes com a oferta, fabricas os seus próprios suportes aplicando primários ao papel a base de tintas acrílicas com pó de mármore a imitar as pinceladas e texturas das tintas a óleo.

Como recriar diferentes acabamentos com os pastéis

Pasteis. Acabamentos da superficieMuitas coisas aconteceram desde os inícios da pintura em pastel.
Num principio os artistas desenhavam sobre madeira e outras superfícies sólidas. Com o tempo foram implementando papeis e cartões os quais preparavam a fim de proporciona-lhes a textura necessária para a fixação dos pigmentos. Mas hoje em dia a oferta é enorme e variadíssima.

  • Como exemplo temos o papel Wallis produzido em vários granulados como se mostra na imagem. Com este tipo de papel o acabamento quase como uma lixa pode ajudar nos acabamentos impressionistas.
  • Também é possível conseguir texturas mais macias suaves e tipo aveludadas com papel “PastelMat” ou Velutte. Estes tipos de papel parecem tecido de veludo e o acabamento é ideal para trabalhos de rigoroso pormenor e hiperrrealismo.
  • Papeis texturados como o Colorfix facilitam o trabalho em lápis pastel e com base de tintas acrílicas ou aguarelas e proporcionam um acabamento muito mais brilhante ao trabalho.

CONHECE A TÉCNICA DO PASTEL SECO?


Convido-vos a conhecer o livro “A Magia dos Pastéis”. Neste livro encontrará informação sobre este material tão antigo, que poucos iniciantes conhecem e do qual pouca informação existe… o pastel seco!!

“A MAGIA DOS PASTÉIS” aborda um extenso conteúdo que permitirá a qualquer iniciante perceber a técnica, adquirir os conhecimentos básicos e receber toda a instrução necessária para começar a criar…

CRIADO EM PORTUGUÊS, ESCRITO EM PORTUGUÊS… Com a mais completa informação sobre a historia dos pastéis, os materiais a utilizar, as técnicas de aplicação, os conceitos teóricos, demonstrações passo-a-passo, exemplos… em mais de 90 páginas e 400 fotografias…

banner-livro



Gostas deste artigo? Então partilha:
Recebe todas as actualizações no teu email...
Dicas e demonstrações para fazer de ti um melhor artista
E ainda, um Ebook "Termos Artísticos Ilustrado" ao subscrever
Magaly Gouveia
Magaly Gouveia

Magaly GouveiaAutora do Blog

Amopintar" foi criado com o intuito de ensinar a desenhar e pintar...e partilhar conhecimentos, dicas, dúvidas e emoções, com quem tambem Ama Pintar!

Website