Modelos de Cor – Cores aditivas e Cor subtractiva.
Colocado por na secção Teoria da cor
ESTE ARTIGO FOI CRIADO PARA TI . . . SE GOSTAS, ENTÃO PARTILHA!

Cores aditivas e Cor subtractiva.

Ao falarmos de cores, temos que diferenciar duas linhas de pensamento distintas: a Cor-Luz e a Cor-Pigmento.

A COR-LUZ, baseia-se nas emissões da luz solar e pode ser vista percebida através dos raios luminosos e da sua decomposição a traves dum prisma

A COR-PIGMENTO, refere-se a substância usada para imitar os fenómenos da cor-luz. Estas cores podem ser extraídas da natureza, de materiais de origem vegetal, animal ou mineral, como resultado de processos de processos industriais, que dão origens aos pigmentos.

descomposicao-luz

Modelos de Cor

Modelos de cor, refere-se ao padrão de representação e estudo das cores e as suas combinações.
Estes modelos servem para estudar o comportamento da cor em diversos âmbitos. Alguns dos modelos de cor mais conhecidos, englobam-se em dois grandes grupos, Modelos de cores aditivas e Modelos de cor subtractiva.

O modelo de cor aditiva mais conhecida é o Modelo RGB, alem do modelo tradicionalmente utilizado em Belas Artes.
Entre os modelos de cor subtractiva mais conhecidos, temos o modelo Modelo CMY e o Modelo CMYK.

cores aditivas e cores substractivas

Modelo de “Cor subtractiva”

Quando falamos estritamente em termos de conceitos de pintura artística tradicional, vermelho, amarelo e azul são as cores primárias e puras a partir das quais todas as restantes cores são obtidas. Este modelo é conhecido como modelo de “Cor subtractiva” e do qual muitos de nos aprendemos na escola através da mistura das cores primárias.

Fora do âmbito da mistura da cores pigmento, este modelo baseado nas cores primarias nomeadas, é raramente utilizado.
Para efeitos impressão, as cores utilizadas nos modelos de cor subtractiva, são o ciano, magenta e amarelo, este modelo é chamado “CMY”.

Neste modelo, o preto é criado através da mistura de todas as cores, e o branco é a ausência das cores (assumindo que o papel é branco).
Este modelo corresponde também a um sistema de “Cor subtractiva”.

A combinação dos primários dão como resultado uma cor preta suja ou indefinido, pelo que é possível adicionar a cor preta obtida por outros meios, quando assim for, o modelo utilizado é o “CMYK”
No Modelo CMK o circulo cromático é baseado nas cores primarias ciano, magenta e amarelo, cuja mistura da como resultado o vermelho, verde e azul, como cores segundarias.

Teoria da Cor

Artigos relacionados

Modelo de “Cores Aditivas”.

Existem por tanto outras áreas de aplicação da cor e outros modelos de estudo da cor.
Os modelos de cor baseados nas misturas de pigmentos, correspondem a modelos de “cores subtractiva”. Quando misturamos cores de luz, usualmente Vermelho/Verde/Azul, estamos a utilizar um modelo de “Cor Aditiva”. Podemos nos referir a este sistema através do conhecido modelo “RGB”.

Todas as possíveis cores podem ser criadas através da mistura destas três cores luz. Todas estas cores quando misturados em partes iguais produzem o branco; quando não existe nenhuma cor luz, obtemos o preto.

Este sistema de “Cores Aditivas” aplica-se aos monitores de computador, televisão e vídeo projectores, todos os quais resultam da combinação das cores vermelho, verde e azul, cores primárias do círculo cromático para este modelo “RGB”.

A luz branca é composta das três cores primárias no modelo de cor aditivo, mas combinando essas mesmas cores em pigmento, ou seja no modelo de cor substractiva, o resultado será uma cor negra.

Gosta dos artigos “Amopintar”?

  • Saiba tudo o que acontece no blog, recebendo os artigos no seu email
  • Subscreva-se no RSS. Basta para isso, colocar o seu e-mail…
  • Cadastre-se no “Newsletter” onde também poderá receber o Ebook “Termos Artísticos Ilustrado” GRÁTIS com o seu cadastro

banner-livro

Isto também te pode interessar...!

GOSTOU DO ARTIGO? . . . ENTÃO PARTILHE!
MAIS ARTIGOS RELACIONADOS!
Na pintura, assim como na fotografia e outras artes, compreender as...
A MAIOR DÚVIDA DE QUALQUER ARTISTA FRENTE A SUA PALETA DE...
Para que servem as cores complementares na pintura na pintura? As...
As três propriedades da cor que nos permitem e ajudam a...
O que outros comentam! Este artigo tem 2 opiniões
  1. Eliane

    Estava procurando site de como usar as cores . Depois que clickei no seu, puxa…que maravilha! ele é tudo que procurava,parabens…Ele é ideal para quem faz curso de design,como eu. Estou indicando para várias colegas. OBRIGADA.

  2. Luiz Alceu Gerônimo

    Comecei a me interessar por pintura a guache a pouco tempo. Em Janeiro de 2011 comprei um livro de um curso de pintura a guache. Uma das primeiras dificuldades que um iniciante se defronta é saber “onde” encontrar as cores, diferentes das cores primárias, para pintar, por exemplo, uma maçã ou uma cebola, que geralmente são exemplos primários indicados pra quem comeca nesta arte de pintura. Procurando na internet encontrei este site maravilhoso no qual já aprendi conhecimentos novos sobre cores que me surpreeenderam. Parabéns pela iniciativa. Obrigado!

Deixe aqui a sua opinião

Copyright © 2008 - 2017 | Aviso Legal | amopintar é Marca Registada | Todos os direitos reservados
desenvolvido por sybo